Aneel mantém multa de R$ 593,6 mil à UTE Termocabo

Gerador foi multado por problemas de gestão inadequada da manutenção e da operação da usina

A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica rejeitou recurso da Termocabo S.A. e manteve multa no valor de R$ 593,6 mil por gestão inadequada da manutenção e da operação da usina termelétrica Termocabo. A penalidade foi aplicada ao gerador em setembro de 2018, após fiscalização realizada pela Aneel.

Segundo a Aneel, entre fevereiro de 2017 e fevereiro de 2018, a usina de 50 MW de potência instalada apresentou disponibilidade média da ordem de 65,2% de sua capacidade, com déficit de cerca 34,8% em relação à potência contratada. Nesse período a geração média verificada (15 MWmed) correspondeu a 91,2% da geração média programada (16,4 MWmed) para atendimento ao despacho do Operador Nacional do Sistema Elétrico.

A usina localizada em Cabo de Santo Agostinho, Pernambuco, foi contratada no inicio da década passada para fornecimento de energia emergencial até dezembro de 2005. Em julho de 2007, ela teve contratos de energia nova negociados no Leilão A-3 , com entrega de 2010 a 2024.