Alsol recebe rating AAA para proposta de debêntures

Focada em geração distribuída, empresa pretende captar R$ 100 milhões

A proposta de emissão de debêntures da Alsol Energias Renováveis, no valor de R$ 100 milhões, recebeu Rating Nacional de Longo Prazo AAA(bra), emitido pela Fitch Ratings, de acordo com o relatório divulgado pela agência de classificação de risco.

A primeira emissão da empresa está estruturada em duas séries, com vencimento final da primeira em 2024 e da segunda, em 2027, e contará com garantia fidejussória da Energisa (controladora), para 90% do montante, correspondente a sua participação na Alsol. A Algar Empreendimentos e Participações será responsável pelos 10% restantes. A garantia dos dois acionistas não é solidária. Os recursos serão utilizados na gestão ordinária dos negócios da Alsol.

“A Fitch avalia a Alsol com os mesmos ratings da Energisa por considerar fortes os vínculos legais, operacionais e estratégicos entre as duas empresas (…)”, destaca o relatório. A Fitch entende que, em caso de necessidade, a Energisa prestaria suporte integral à sua controlada, incluindo a parte de responsabilidade da Algar, tendo em vista o risco reputacional e o reduzido valor que necessitaria ser coberto frente ao porte do grupo.

A Alsol desenvolve soluções em geração distribuída de energia, principalmente por meio de painéis solares fotovoltaicos, dentro de uma indústria fragmentada — onde sua capacidade instalada, de 25MWp, representava 3,5% do mercado em junho de 2019. A Energisa busca, por meio da Alsol, melhor posicionamento estratégico no segmento de geração distribuída de energia, o qual oferece sinergias com o segmento de distribuição, principal negócio do grupo.

Em 2018, a receita líquida e o Ebitda da Alsol, foram de R$ 51 milhões e R$ 4 milhões, respectivamente, corresponderam a menos de 1% da receita líquida consolidada (R$ 14 bilhões) e do Ebitda (R$ 2,7 bilhões) do grupo Energisa.