Aneel aprova duas PCHs para operação comercial de 36,6 MW no MS

Agência também deliberou testes em UFV de 30 MW na Bahia, UTE de 25 MW em São Paulo e aerogerador no Maranhão

As pequenas centrais hidrelétricas Areado (18 MW) e Bandeirante (18,6 MW), localizadas no Mato Grosso do Sul, receberam a autorização da Agência Nacional de Energia Elétrica para operação comercial de suas quatro turbinas. A primeira usina pertence a Areado Energia S.A e está localizada no município de Chapadão do Sul. A segunda é de posse da Rio Água Clara Energia S.A e está situada entre Água Clara e Chapadão do Sul.

A agência também deu provimento a empresa OH Sobrado Geradora de Energia Solar S.A e liberou 12 unidades geradoras de 2 MW e duas de 3 MW para testes da usina fotovoltaica Sobrado 1, perfazendo um total de 30 MW de capacidade instalada em Casa Nova, na Bahia.

Outra liberação para testes foi para a térmica Guarani Cruz Alta 2, com uma unidade de 25 MW em Olímpia, São Paulo. A UTE é controlada pela Tereos Açúcar e Energia Brasil S.A. Por fim, o órgão regulador acatou a solicitação da Delta 8 I Energia S.A, que poderá testar um aerogerador de 2,7 MW em Paulino Neves, no Maranhão.