BNDES financia em R$ 1,26 bilhão Complexo Eólico Umburanas, na Bahia

Projeto é formado por 18 parques eólicos com capacidade de 360 MW. Recursos do banco representam 78,8% do investimento

O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) anunciou nesta quarta-feira, 23 de outubro, a aprovação de um financiamento no valor de R$ 1,26 bilhão à holding Engie Brasil para o Complexo Eólico Umburanas, localizado nos municípios baianos de Sento Sé e Umburanas.

O empreendimento é formado por 18 parques eólicos, além de seus respectivos sistemas de transmissão, com capacidade instalada de 360 MW. Os recursos financiados pelo BNDES, por meio da linha Finem, representam 78,8% do investimento total de R$ 1,6 bilhão que foi destinado para a construção e operação do projeto.

Cada um dos 18 parques foi viabilizado por meio de 18 Sociedades de Propósito Específico (SPEs) diferentes, constituídos pela Engie Brasil para construir e operar as usinas. Toda a energia produzida pelo Complexo é transmitida até a subestação de Ourolândia II (BA), dali sendo escoada para o Sistema Interligado Nacional.

De acordo com o BNDES, o financiamento envolve a aquisição de aerogeradores, obras civis e sistema de conexão, além dos contratos de comercialização, estudos dos ventos, análise de impactos socioambientais, aquisição de licenças ambientais. A primeira fase do projeto iniciou operação em abril deste ano.