Cteep pede registro para emissão de R$ 400 milhões em debêntures

Operação poderá ser feita em até quatro séries e ter ainda papéis adicionais

A Cteep informou em comunicado ao mercado que submeteu a Comissão de Valores Mobiliários pedido de registro de oferta pública de distribuição inicial de 400 mil debêntures simples, não conversíveis em ações, com valor unitário de R$ 1 mil, que vão somar R$ 400 milhões. A emissão será em até quatro séries.

De acordo com o comunicado, a quantidade de papéis poderá ser aumentada em até 20%, o que equivale a 80 mil debêntures adicionais, que vão ser emitidas nas mesmas condições e com as mesmas características das inicialmente ofertadas. Ainda serão definidos o número de séries. Os recursos captados com as debêntures vão ser usados para o reembolso de custos incorridos em até 24 meses da data de divulgação do anúncio de encerramento ou pagamento futuro no âmbito do investimento nos projetos.