Ocorrências na rede de operação cortam 267 MW de carga da Enel Goiás

Desarme de quatro LTs e parte de subestação interrompeu fluxo energético na região metropolitana de Goiânia por 21 minutos

Ocorrências na rede de operação registradas no meio da tarde da última terça-feira (19), provocaram o corte de 267 MW de carga da Enel Goiás na região metropolitana de Goiânia, interrompendo o fluxo energético da localidade, informou o Operador Nacional do Sistema Elétrico, a partir de informações de seu boletim diário da operação.

O Operador identificou, às 16:09 horas do referido dia, os desligamentos automáticos das Linhas de Transmissão em 230 kV, Anhanguera/Carajás C1 e C2, Anhanguera/Cachoeira Dourada, Anhanguera/Planalto e Anhanguera/Bandeirantes C1 e C2, além dos transformadores 1, 2 e 6 da subestação Anhanguera. A normalização dos equipamentos foi iniciada 24 minutos depois, sendo finalizada apenas aos 8 minutos do começo da quarta-feira, 20 de novembro. Já as cargas foram totalmente recompostas via rede de distribuição, em 21 minutos.