Aneel publica quotas da CDE e do Proinfa de transmissoras

Empresas deverão recolher R$ 72,2 milhões de CDE (exercício de outubro de 2019) e R$ 23,7 milhões de Proinfa (exercício de fevereiro de 2020)

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) publicou no Diário Oficial da União desta terça-feira, 10 de dezembro, os valores a serem pagos referentes ao encargo Conta de Desenvolvimento Energético (CDE) e quotas de custeio do Programa de Incentivo às Fontes Alternativas de Energia Elétrica (Proinfa). Concessionárias de transmissão, consumidores livres, autoprodutores e Eletrobrás deverão recolher R$ 72,2 milhões de CDE (exercício de outubro de 2019) e R$ 23,7 milhões de Proinfa (exercício de fevereiro de 2020), conforme as tabelas: