Enel São Paulo consegue em outubro melhores indicadores da história

De julho de 2018 até setembro de 2019, empresa investiu cerca de R$ 1,4 bilhão na rede

A Enel Distribuição São Paulo registrou, em outubro, os melhores indicadores operacionais da história da companhia, acompanhados pela Agência Nacional de Energia Elétrica. A frequência média das interrupções no fornecimento por cliente chegou a 3,93 vezes nos últimos 12 meses até outubro, posicionando a empresa como a melhor dentre todas as distribuidoras de energia do Brasil. Já a duração média das interrupções por cliente ficou em 6,83 horas, sendo o melhor indicador registrado pela companhia e o quarto melhor do País.

De julho de 2018 até setembro deste ano, a empresa investiu cerca de R$ 1,4 bilhão na rede de distribuição, principalmente, para modernização, fortalecimento e automação da rede elétrica. Foram instalados, por exemplo, mais de 6.400 equipamentos de automação, que religam a rede automaticamente em caso de defeito transitório, como galhos de árvores que encostaram nos fios, e que identificam de forma remota falhas na rede e isolam o trecho afetado.

Recentemente, a empresa também entregou três novas subestações: Alphaville, Vila Mariana e Batistini e a ampliação da subestação São Bernardo do Campo. Juntas, as instalações estão beneficiando cerca de 800 mil pessoas. Na manutenção preventiva, apenas este ano foram realizadas mais de 230 mil podas de árvores sem desligar a rede elétrica para não interromper o fornecimento de energia dos clientes.