Eólicas da EDP Renováveis entram no rol de projetos prioritários

Decisão do MME envolve 126 MW de capacidade instalada no Rio Grande do Norte

A Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Energético do Ministério de Minas e Energia aprovou como prioritário três projetos para implementação de centrais eólicas no Rio Grande do Norte, denominadas Monte Verde VI (46,2 MW), Boqueirão I (42 MW) e Boqueirão II (37,8 MW). As usinas são operadas por empresas que pertencem à EDP Renováveis, e possuem seus prazos de conclusão para janeiro 2024.

O MME também deu provimento para a comercializadora Kroma e para a empresa Z2 Energias Renováveis S.A, que dividem o controle acionário da planta fotovoltaica São Pedro e Paulo I, de 25 MW e constituída por 20 unidades geradoras no estado do Pernambuco. O término do projeto está previsto para outubro de 2021.