PCH de 12,5 MW tem operação aprovada no Mato Grosso

Aneel também autorizou testes em eólica no Rio Grande do Norte e térmica no Amazonas

A Pequena Central Hidrelétrica Juí 117 recebeu o parecer positivo da Aneel para operação comercial de duas turbinas de 6,2 MW cada, totalizando 12,5 MW de capacidade instalada no município de Campos de Júlio, no Mato Grosso. A usina pertence à empresa PCH Juina S/A.

A Agência também deu provimento para a SPE Vila Ceará I, com vistas a operação em teste de três aerogeradores de 3,465 MW da central eólica Ventos de Vila Ceará I, totalizando 10,395 MW de potência em Serra do Mel, no Rio Grande do Norte.

Outra deliberação foi para a Aggreko Energia, que poderá explorar sob regime de testes a térmica Tonantins – CGA. A decisão envolve as unidades de UG1 a UG14, de 352 kW cada, somando 4,9 MW na cidade de mesmo nome da usina, localizado no Amazonas.