Governo inclui leilões A-4, A-6 e de transmissão no PPI

Inclusão no portfólio de projetos foi aprovada em reunião nesta quarta-feira, 19 de fevereiro

O Conselho do Programa de Parcerias de Investimentos incluiu em seu portfólio de projetos os leilões de energia nova A-4 e A-6 e o de transmissão nº 01/2020. Os três certames estão entre os 22 projetos qualificados no PPI nesta quarta-feira, 19 de fevereiro, na 12ª Reunião do grupo. O encontro de hoje é o primeiro após a transferência do programa da Casa Civil para o Ministério da Economia.

O A-4 esta previsto para 28 de maio e é destinado à contratação de energia de empreendimentos de fontes hidrelétrica, eólica, solar e térmica a biomassa. O edital está em consulta publica, e a previsão é de que ele seja publicado em 28 de abril.

O A-6 está previsto para 26 de setembro, mas ainda não há definição das fontes a serem contratadas, já que as diretrizes do certame ainda serão publicadas pelo Ministério de Minas e Energia. A data prevista para a publicação do edital é 27 de agosto.

O primeiro leilão de transmissão do ano está marcado para 10 de julho, quando serão licitados seis lotes de instalações nos estados do Amazonas, Ceará, Mato Grosso do Sul, Rio Grande do Sul e São Paulo. Serão, no total, 685 km de linhas e 3.450 MVA em expansão da capacidade de transformação. Os investimentos previstos somam R$ 2 bilhões. O edital deve ser publicado em junho.