PLD cai 59% no Sudeste/ Centro-Oeste e chega a R$ 58,60/ MWh

No Norte, preço saiu do piso e subiu 45%, indo para 57,34/ MWh

O Preço de Liquidação das Diferenças para o período de 29 de fevereiro a 6 de março subiu no submercado Norte e caiu nos demais submercados. No Sudeste/Centro-Oeste, o preço médio baixou 59%, saindo de R$ 143,85/MWh e sendo fixado em R$ 58,60/MWh. O valor médio do submercado Norte apresentou alta de 45%, saindo do piso R$ 39,68/MWh e sendo fixado em R$ 57,34/MWh.  O preço no Nordeste recuou 53%, saindo de R$125,80/MWh e sendo fixado em R$ 58,60/MWh. Para o submercado Sul, o preço caiu 63% saindo de R$180,77/MWh para R$ 66,78/MWh

O principal fator responsável pela redução do PLD foi a melhora em relação à expectativa de afluências para as próximas semanas. Os limites de intercâmbio de energia para os patamares de carga pesada e média foram atingidos para todos os submercados, com exceção do intercâmbio entre os submercados Nordeste e Sudeste, mantendo acoplado o preço entre esses submercados. Para o patamar de carga leve todos os submercados mantiveram-se acoplados.

Para o mês de fevereiro, a expectativa é de que as afluências para o Sistema fiquem em 91% da Média de Longo Termo. As afluências dos submercados em relação à MLT foram de 106% no Sudeste, 35% no Sul, 80% no Nordeste e 73% no Norte. Os níveis dos reservatórios do SIN ficaram cerca de 1.000 MW médios mais elevados em relação ao esperado. No Sudeste/Centro-Oeste apresentou elevação de 613 MW médios, no Sul houve aumento de 318 MW médios e no Norte 172 MW médios. Já para o Nordeste apresentou redução de 103 MW médios em relação à expectativa anterior.

O fator de ajuste do MRE estimado para o mês de fevereiro está em 103,8%. Já para o mês de março a previsão está em 132,6%. A previsão para fevereiro de 2020 para o ESS está em R$ 13 milhões, sendo quase em sua totalidade referente a restrições operativas. Para o mês de março de 2020, a expectativa de ESS é nula.