Universitários criam soluções preventivas em programa de verão

Nomeado como Summer Job, projeto é patrocinado pela AES Tietê e foi realizado pela segunda vez

O programa Summer Job, idealizado pelo Centro de Estudos e Sistemas Avançados do Recife (CESAR) e patrocinado pela AES Tietê, finalizou a 2ª edição no mês de janeiro. Esta edição contou com dois desafios personalizados às necessidades de preservação do ecossistema, existente no entorno das usinas hidrelétricas da geradora.  Os desafios apresentados com prazo de seis semanas para resolução foram: ‘Como automatizar os relatórios de inspeção de segurança?’ e ‘Como otimizar os sistemas de resfriamento das unidades geradoras de nossas usinas hidrelétricas?’.
No total, oito universitários participaram do desafio e a primeira proposta apresentada foi desenvolver a automação no trabalho de inspeção da erosão no entorno das áreas de borda das usinas hidrelétricas.  Esse serviço é feito manualmente (visitas, registros fotográficos, organização do material e produção do relatório) e demanda muito tempo dos profissionais envolvidos. Após o período de pesquisa e desenvolvimento das ideias foram apresentadas soluções de aplicação via web, realidade aumentada e inspeção aérea.
A segunda sugestão disponibilizada pelos acadêmicos foi ‘Como reduzir o impacto de sedimentos no sistema de resfriamento ou na vasão de uma usina hidrelétrica’. O resultado apresentado contou com a apresentação do protótipo de uma embarcação guiada por controle remoto, a qual foi projetada para retirar sedimentos acumulados nos pontos de escoamento da água nas barragens.
Além de apresentar a resposta para o desafio, os participantes justificaram que o projeto não interfere na geração de energia, não oferece risco ao operador e, ainda, permite a utilização em diferentes ambientes e lugares.