Neoenergia amplia participação no sistema de transmissão brasileiro

Projetos conquistados em leilões de 2017 e 2019 estão em andamento no Tocantins, Piauí, Maranhão, Bahia, Ceará e Paraíba, representando cerca de 1.200 Km de novas LTs

A Neoenergia somará cerca de 1.200 Km de novas linhas de transmissão ao seu sistema elétrico, beneficiando os estados de Tocantins, Piauí, Maranhão, Bahia, Ceará e Paraíba. A empresa foi vencedora no Leilão nº 002 de 2017 da Aneel, quando arrematou duas novas concessões – Lotes 4 e 6 – que, juntos, compreendem quatro linhas de transmissão (1.074 km) e seis subestações, sendo uma própria e cinco compartilhadas. Em dezembro de 2019, arrematou o Lote 9 – Rio Formoso, beneficiando o oeste baiano.

O Lote 4 é formado pelas linhas de transmissão de 500 kV Miracema – Gilbués II (418 Km) e Gilbués II – Barreiras II (311 Km), localizados entre os estados do Tocantins e da Bahia. O Lote 6 é composto pelas LTs de 500 kV Santa Luzia II – Campina Grande III (125 Km) e Santa Luzia II – Milagres II (220 Km), além da subestação de 500 kV Santa Luzia II, que serão construídas na Paraíba e Ceará. Já o Lote 9 é composto pela linha de 230 kV Rio das Éguas – Rio Formoso II (105 Km), a subestação de 230 kV Rio Formoso II, além da ampliação da SE Rio das Éguas, na Bahia.

Segundo a companhia, a previsão é que as obras demandem mais de 6.000 empregos diretos e indiretos até o final da construção de todos os projetos, além de garantir nas regiões atingidas mais segurança e confiabilidade na transmissão e distribuição de energia.