WEG fabricará respiradores e álcool gel

Statkraft Brasil adota medidas para preservar a saúde física e mental dos colaboradores durante o isolamento

A multinacional brasileira WEG, conhecida por produzir equipamentos elétricos e tintas, anunciou que utilizará a estrutura de sua fábrica em Jaraguá do Sul, em Santa Catarina, para produzir respiradores artificiais para pacientes com Covid-19.

A corporação assinou um acordo de transferência de tecnologia com a empresa Leistung Equipamentos, fabricante de equipamentos hospitalares. O contrato, assinado entre as empresas, concede à WEG a licença para produzir o respirador com ventilação mecânica pulmonar “Luft-3” da Leistung.

O plano é viabilizar de imediato a compra de todos os componentes necessários para produzir 500 respiradores. Sendo instalada a linha de produção pela WEG, a companhia terá capacidade estimada de fabricar 50 respiradores por dia e fazer entregas na segunda quinzena de maio.

Doação de Álcool Gel

A WEG também anunciou que vai produzir e doar álcool gel 70% aos hospitais públicos de Jaraguá do Sul e Guaramirim, em Santa Catarina. A produção será realizada na fábrica de Tintas e Vernizes da companhia, no município de Guaramirim/SC, e pretende suprir as necessidades de alguns hospitais que já enfrentam problemas de abastecimento relacionados à alta demanda do produto.

Saúde e Bem-Estar

A  Statkraft Brasil, além de adotar medidas de segurança para garantir a continuidade da operação de suas 18 usinas no país, também implementou um programa de saúde física e mental para os seus colaboradores. A maioria dos empregados estão trabalhando em home-office até o final de abril.

De acordo com a corporação, o projeto envolve videoaulas com exercícios que podem ser feitos em casa, aulas de mindfulness e ioga com profissionais especializados; rodas de conversas de como superar o isolamento, até rodadas de talentos online dos próprios colaboradores com pocket shows. O objetivo é continuar a promover uma comunicação aberta e transparente e a integração entre as equipes.

“Nunca recebemos tanta gente em nossa casa ao mesmo tempo (virtualmente). Foi muito bom poder partilhar um pouco da nossa rotina com os colegas de empresa e envolver minha família. Nos sentimos muito abraçados por todos e com uma injeção de carinho muito grande!”, conta Fernando Cani, o primeiro colaborador convidado a realizar um pocket show.

Para aqueles que se sentem sozinhos, a Statkraft ainda dispõe de um serviço contratado chamado Programa de Assistência ao Empregado (PAE). O funcionário que estiver triste ou angustiado por causa do isolamento ou devido a outros motivos, pode acionar o programa. As consultas, em qualquer âmbito, são 100% confidenciais e particulares.

Segundo o diretor de Gestão de Ativos da Statkraft Brasil, Thiago Tomazzoli, “o objetivo das ações do Juntos na Statkraft é preservar a saúde física e mental dos colaboradores e ao mesmo tempo mantê-los unidos”.

Leituristas recebem novas orientações

Os leituristas da Cemig receberam novas orientações de trabalho em função da crise sanitária causada pelo novo coronavírus (Covid-19). A leitura do consumo de energia será realizada normalmente para as casas que tiverem medidores voltados para a rua. Para os equipamentos que ficam no interior das propriedades, o leiturista só poderá entrar mediante autorização do cliente.

Em caso de negativa de acesso neste período de pandemia, as leituras serão feitas por estimativa de consumo com base na média registrada nos últimos 12 meses. Como opção ao faturamento por média, o cliente poderá optar por informar previamente a leitura de seu medidor.