Eólicas da EDP Renováveis no RN entram no rol de projetos prioritários

Parque gerador Catanduba terá duas usinas e 21 aerogeradores até janeiro de 2025

O Ministério de Minas e Energia classificou como prioritário o projeto para implementação das centrais eólicas Catanduba I e II, de posse da EDP Renováveis Brasil e com conclusão prevista para janeiro de 2025. A primeira usina prevê 42 MW de potência entre dez aerogeradores e a segunda 46,2 MW distribuídos em 11 turbinas, totalizando 88,2 MW de capacidade instalada no Rio Grande do Norte.