Eneva define oferta de R$ 650 milhões em debêntures

Papéis vencem em junho de 2030 e S&P atribuiu raitngs ‘brAAA para operação

A Eneva informou em comunicado ao mercado na última sexta-feira, 26 de junho, que concluiu o processo de bookbuilding  – a definição da oferta  – da 5ª emissão de R$ 650 milhões em debêntures simples. Os papéis incentivados vencem em 15 de junho de 2030. A amortização principal será em três parcelas consecutivas, em 15 de junho de 2028, 15 de junho de 2029 e 15 de junho de 2030. A taxa final fica em IPCA + 5,5% ao ano. A liquidação final da operação está prevista para ocorrer em 29 de junho de 2020.

A S&P Global Ratings atribuiu rating de emissão ‘brAAA’ e o rating de recuperação ‘3’ para essa emissão de debêntures proposta pela Eneva. Segundo a S&P, a emissão conta com garantia firme de distribuição dos bancos coordenadores e será realizada em série única, com vencimento final em 2030. O montante captado será destinado principalmente para o financiamento dos investimentos em exploração e produção de gás natural na Bacia do Parnaíba, garantindo o abastecimento futuro de suas usinas. As debêntures não contarão nem com garantias reais nem com avais de subsidiárias operacionais do grupo.