Tradener tem aval para exportar energia para Argentina e Uruguai

Autorização do MME vale até dezembro de 2022

O Ministério de Minas e Energia publicou nesta quinta-feira, 9 de julho, a portaria 272/2020, que autoriza a Tradener a exportar energia elétrica interruptível para a Argentina e Uruguai. De acordo com a portaria, a exportação para a Argentina será feita através das conversoras Garabi I e II, até 2.200 MW e da conversora de Uruguaiana, até 50 MW. Já a exportação para o Uruguai deverá ocorrer pela conversora de Rivera, até 70 MW de potência e da conversora de Melo, até 500 MW de potência.

A autorização vale até o dia 31 de dezembro de 2022 e as exportações não poderão causar aumento dos custos do setor elétrico brasileiro e deverão se submeter a fiscalização da Agência Nacional de Energia Elétrica.

(Nota da Redação: matéria atualizada às 19:00 do dia 09 de julho de 2020 para correção da validade da autorização)