MME autoriza Golar Power a importar gás natural

Governo também autorizou a Petrobras a reduzir volume de importação de gás da Bolívia

O Ministério de Minas e Energia (MME) autorizou a Golar Power a importar gás natural liquefeito da Bahia e de Pernambuco, no limite de até 5,475 milhões milhões de metros cúbicos por dia. O combustível será vendido para comercializadores livres, distribuidoras de gás do estado da Bahia, e, por meio do Terminal Suape, a projetos termelétricos e outras distribuidoras de gás natural conectadas à rede de gasoduto. As informações constam na Portaria Nº 281 publicada no Diário Oficial da União nesta segunda-feira, 13 de julho.

A ministério também autorizou a Petrobras a reduzir o volume de gás natural importado da Bolívia, de 30,03 milhões de m³/dia para 20 milhões m³/dia. A autorização terá validade até 31 de dezembro de 2025. De acordo com Portaria nº 282/20, a estatal também fica autorizada a importação de adicional de 0,5 milhões de m³/dia referente ao Gás Natural de Uso do Sistema de Transporte.