Reservatórios do NE recuam 0,2% para 85,6% da capacidade

Região Sul vai no sentido contrário e tem alta de 1,4%, segundo ONS

Os reservatórios da região Nordeste registraram recuo de 0,2% no nível de armazenamento para 85,6% da capacidade na última segunda-feira, 13 de julho, na comparação com o dia anterior, segundo dados do Operador Nacional do Sistema Elétrico. A energia armazenada ficou em 44.185 MW mês e a energia afluente armazenável está em 75% da média de longo termo no acumulado do mês. A hidrelétrica Sobradinho opera com 84,19% da capacidade.

O subsistema Sudeste/Centro-Oeste também teve redução de 0,2% no armazenamento para 51,2% da capacidade. A energia armazenada chega a 103.870 MW mês e a energia afluente armazenável está em 89% da MLT. A usina Furnas está com 60,02% e Nova Ponte, com 49,42%.

Já na região Sul, houve alta de 1,4% no nível de armazenamento, chegando a 59,1% da capacidade. A energia armazenada está em 11.753 MW mês e a energia armazenável alcançou 140% da média histórica. A UHE G.B.Munhoz trabalha com 53,18% da capacidade e Salto Santiago, com 39,68%.

No Norte do país, a alta do nível de armazenamento ficou em 0,1% para 83,3%. A energia armazenada fica em 12.626 MW mês e a energia afluente armazenável está em 103% da MLT. A hidrelétrica Tucuruí opera com 99,08%.