Brasil é listado como segundo em ranking de investimento em renováveis

Levantamento feito pela empresa British Business Energy coloca o país atrás apenas dos Estados Unidos em uma lista de 29 países

Uma pesquisa feita pela British Business Energy, empresa que atua no Reino Unido, analisou dados sobre 29 países referente a empresas de energia em todo o mundo e colocou o Brasil em segundo lugar no ranking de energia renovável. O país ficou atrás apenas dos Estados Unidos, com uma pontuação de 6,5 ante os 7 do líder. Atrás vem a Índia com pontuação 6,3.

A empresa aponta que essa indústria de energia continua em crescimento e que depende fortemente de recursos finitos. Por isso, analisaram os dez principais países que estão investindo, usando parcialmente ou planejando usar energia renovável em um futuro próximo. Ainda fazem parte de cima desse ranking Hungria e Argentina.

A British Business Energy aponta ainda que a produção e a venda de energia estão crescendo. E com o aumento do consumo, os produtores e fornecedores do mundo estão tendo que pensar em métodos renováveis para se afastar dos combustíveis fósseis.

Ainda faz parte dessa pesquisa, rankings com os maiores receitas obtidas em setores energéticos, onde os Estados Unidos estão em primeiro com mais de US$1,2 trilhão e a China em segundo com US$ 836 bilhões. E ainda, a participação do setor energético na formação do PIB de um país. Nesse quesito a Holanda está em primeiro, com 46,76% do seu PIB derivado dessa indústria, seguida pela Russia, com 29,4% e Noruega com 19,7%.