Pequenas distribuidoras têm vigência de tarifa prorrogada

Medida foi aplicada à concessionária Santa Maria, do ES, e a cooperativas de São Paulo e de Santa Catarina

A Empresa Luz e Força Santa Maria (ES) teve as tarifas prorrogadas pela Agência Nacional de Energia Elétrica até 21 de setembro. A decisão é resultante da mudança na data de reajuste contratual da empresa, que era 22 de agosto e passou para 22 de setembro, após a assinatura de termo aditivo ao contrato de concessão. A distribuidora atende 112 mil unidades consumidoras no interior do Espírito Santo.

A Aneel também aprovou a prorrogação das tarifas de distribuição de Anitápolis (Ceral – SC), da Região de Itu-Mairinque (Cerim -SP), de Ibiúna e Região (Cetril – SP) e do Alto Paraíba (Cedrap -SP). Todas elas tiveram a data de reajuste contratual alterada de 30 de outubro para 30 de novembro, ao assinarem o contrato como permissionárias de distribuição. A prorrogação das tarifas permite que os processos tarifários das cooperativas coincidam com os de suas supridoras principais de energia elétrica.