Chesf aplica R$ 100 mi para construir duas LTs no RN

Capacidade de escoamento será ampliada em 250 MVA para mais de 60 cidades potiguares

Com um aporte de R$ 100 milhões, a Chesf avança na construção de duas linhas de transmissão em 230 kV entre os municípios de Santa Cruz e Assu, ambos no Rio Grande do Norte, somando 209 quilômetros de extensão, informa a companhia nessa sexta-feira, 11 de setembro.

A linha interliga as subestações Mossoró II e Açu II, sendo o segundo circuito de um novo empreendimento de 76 quilômetros que já conta com 70% das fundações concluídas, com a montagem das estruturas iniciada no início deste mês,

O outro empreendimento conecta as SEs Paraíso e Açu II, também da Chesf. O terceiro circuito se estende por 133 quilômetros e conta com 20% das estruturas já montadas. Em outubro, será iniciado o lançamento de cabos em ambas as linhas.

De acordo com a nota emitida pela empresa, os terminais nas SEs Paraíso, Mossoró II e Açu II estão montados, comissionados e integrados ao Sistema Integrado Nacional (SIN).

Com a operação comercial dos ativos, a capacidade de escoamento de energia elétrica será ampliada em 250 MVA, o que significa mais energia e com maior qualidade para a população potiguar. O novo eixo de transmissão tornará mais flexível a operação do SIN e confiável o suprimento de energia para mais de 60 municípios no estado, indica o comunicado.

Ademais, a energização desses empreendimentos vai agregar uma receita de aproximadamente R$ 6 milhões para a companhia, contribuindo para sua sustentabilidade financeira.