Lucro da Celesc diminui e fica em R$ 80,3 milhões no terceiro trimestre

Ebitda de R$ 180,2 milhões mostra recuo de 16%

A Celesc teve um lucro líquido de R$ 80,3 milhões no terceiro trimestre do ano. O resultado é 19% inferior ao registrado no mesmo trimestre de 2019, de R$ 99,1 milhões. A receita operacional líquida da estatal catarinense ficou em R$ 1,87 bilhão, um leve recuo de 1,3% em relação aos R$ 1,89 bilhão do mesmo período do ano passado. O Ebitda de R$ 180,2 milhões na Celesc mostra uma queda de 16% no trimestre. As perdas totais sobre a carga no trimestre totalizaram 8,15%, reduzindo 6,2% na comparação com o terceiro trimestre de 2019.

Em nove meses, o lucro subiu 30,6% e chegou a R$ 285 milhões. A receita líquida de R$ 5,7 bilhões registra o crescimento de 3% até setembro. O Ebitda teve aumento de 7%, saindo de R$ 573,8 milhões até setembro de 2019 para R$ 613,8 milhões. O DEC no acumulado de nove meses do ano chegou 6,3 horas, enquanto o FEC é de 4,7 vezes, ficando dentro dos limites estabelecidos pela Agência Nacional de Energia Elétrica.