Honda finaliza expansão de seu parque eólico no RS

Montadora colocou em operação o décimo aerogerador do empreendimento, que soma 31,7 MW destinados a unidades e escritórios em três cidades paulistas

A Honda Energy finalizou a ampliação de aproximadamente 11% da capacidade instalada do seu parque eólico em Xangri-Lá (RS), colocando em operação a décima turbina do empreendimento, que passa a contar com 31,7 MW de capacidade instalada. O novo aerogerador de 112 metros de altura e 66m de largura possui 3,8 MW de potência, 23% maior que as demais unidades geradoras.

Inaugurada em 2014, o projeto concretiza o compromisso da montadora atender à meta global de redução de emissão de gás carbônico em seus produtos e processos produtivos em 50% até 2050, tendo como base o volume emitido em 2000 e o campo de geração eólica para uma matriz energética mais sustentável.

A energia proveniente dos ventos atende à demanda elétrica da unidade de Sumaré, no interior de São Paulo, onde estão localizados a fábrica de automóveis, o Centro de Pesquisa & Desenvolvimento e o escritório sede da marca. Em 2016, o volume produzido passou a suprir também o escritório administrativo em São Paulo, no bairro do Morumbi e, desde 2019, a segunda unidade produtiva de automóveis, em Itirapina (SP).

No resultado acumulado desde janeiro de 2015, a Honda informou que sua geração de energia na subsidiária ultrapassa os 434 mil megawatts-hora (MWh), possibilitando a incorporação da fonte limpa e renovável ao processo produtivo de mais de 734 mil automóveis.