Vale adquire cluster solar de 1,3 GW da Aurora Energia em MG

Cluster já está em implantação tem contratos assinados para 766 MWp do empreendimento

O primeiro cluster da Aurora Energia acaba de ser transferido para à Vale e já está em preparo para à implantação. O cluster tem capacidade de geração de energia de 1.357 MW, sendo que 766 MWp já detém contratos assinados para a conexão ao Sistema Interligado Nacional, com todas as licenças necessárias. Até o momento, a Aurora Energia já conseguiu mais de 7 GW em licenças ambientais no estado de MG, possuindo uma da maiores licença ambientais para geração fotovoltaica do mundo, mais de 5 GW. Em abril, em entrevista à Agência CanalEnergia, o CEO Fabrício Lopes anunciava a ampliação da  licença ambiental para esse complexo solar, que tem o mesmo nome da empresa.

Cluster da Aurora que foi adquirido pela Vale

Para a Aurora Energia, a Região Norte de Minas Gerais é um excelente lugar para a geração de Energia Solar Fotovoltaica, pois tem níveis de insolação próximos às melhores regiões do planeta. De acordo com o CEO da empresa, Fabrício Lopes, a Aurora é totalmente aderente ao compromisso de sustentabilidade ambiental e social. Segundo ele, os seus clusters estão para além dos financeiros, já que contribuirão fortemente para o desenvolvimento de Minas e do Brasil como um todo, trazendo um impacto socioeconômico com alto raio de abrangência sobretudo para as comunidades do norte de Minas.

A Aurora Energia tem como premissa contribuir para um futuro mais sustentável. Seus projetos trarão uma nova era de desenvolvimento, empregos e oportunidades para colocar a região, de forma definitiva, como referência no segmento de energias renováveis e gerar visibilidade em nível global.