Carga média do SIN subiu 4,68% em dezembro, aponta MME

Segundo o boletim, não foram verificadas ocorrências significativas que prejudicassem o atendimento da carga

A carga média do SIN entre os dias 30 de novembro a 29 de dezembro foi 4,68% superior quando comparado ao mesmo período em 2019, segundo o Boletim de Monitoramento Covid-19, do Ministério de Minas e Energia.

Dados divulgados na última segunda-feira, 28 de dezembro, mostraram que o consumo no mesmo período em 2019 ficou em 65.219 MW, enquanto em 2020, ficou em 68.269 MW. A carga média do SIN, 57.718 MW, foi 9,72% inferior à do mesmo dia da semana anterior e 5,51% inferior à do mesmo dia da semana do ano anterior.

Ainda segundo o Boletim de Monitoramento, não houve intercâmbio internacional de energia da Argentina e Uruguai para o Brasil, conforme programado. Também não foram verificadas ocorrências significativas no SIN associadas à pandemia da covid-19 que prejudicassem o atendimento da carga, nem que impactassem o fornecimento de energia e a prestação do serviço de distribuição