Eletronorte vai pagar R$ 390 milhões em acordo judicial

Conselho da companhia aprovou proposta de R$ 390 milhões à vista por processo de 2005 envolvendo seguradoras e interrupção do fornecimento de energia

O Conselho de Administração da Eletronorte aprovou um acordo judicial para encerrar a ação de ressarcimento da IRB Brasil Resseguros S/A, Sul América e outras seguradoras em decorrência dos valores pagos à empresa Alumínio Brasileiro S/A (Albras) por um sinistro envolvendo interrupção de energia elétrica em 2005, cujo fornecimento era responsabilidade da estatal.

Segundo o comunicado ao mercado emitido pela Eletrobras na noite da última quinta-feira, 21 de janeiro, o acordo prevê o pagamento de R$ 390 milhões à vista, após a homologação judicial do processo nº 0049155- 27.2005.8.07.0001, proposto em 14 de dezembro 2005, e que já se encontrava provisionado nas Demonstrações Financeiras da Eletronorte, em 30 de setembro do ano passado, com valor estimado de R$ 372 milhões.