Engie desenvolve programa de agricultura familiar

Inicialmente aplicado em Tocantins, empresa avalia expandir o projeto para outras comunidades

A Engie desenvolveu um programa de agricultura familiar que tem sido destaque no Brasil e no exterior. O projeto “Inovação no Reassentamento de Comunidades: o caso da Usina Hidrelétrica São Salvador”, localizado no rio Tocantins, no sul do estado do Tocantins, foi premiado na Conferência ANPEI, o maior evento de inovação multissetorial do País, e foi também um dos finalistas brasileiros do Innovation Trophies, competição interna global do grupo ENGIE, realizada em Paris, na França, e que visa premiar projetos inovadores.

Segundo a companhia, o projeto ajudou as famílias realocadas pela implantação da UHE São Salvador a restabelecer suas atividades socioeconômicas por meio do apoio à prática de uma agricultura sustentável, o que melhorou suas vidas no campo.

A Engie informou que com base nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Organização das Nações Unidas (ONU), proporcionou um ambiente mais favorável para esses produtores rurais, criando a primeira associação de famílias reassentadas do Brasil, a AFAP-Tocantins, inicialmente formada por 12 famílias, mas que foi aberta à comunidade e atualmente já conta com a participação de 69. O projeto foi tão bem sucedido que a empresa avalia levá-lo para comunidades de outras usinas hidrelétricas.