Nordex aumenta vendas em 41,6% em 2020

Dados preliminares mostram que investimentos ficaram em €162,9 milhões no ano

A fabricante de equipamentos eólicos Nordex teve no ano financeiro de 2020 aumento de 41,6% nas vendas consolidadas, ficando em €4,6 bilhões. O valor ficou acima dos € 3,3 bilhões do ano anterior e acima da expectativa de € 4,4 bilhões. O Ebitda chegou a € 94 milhões, número 24,1% menor que o de 201, de € 123,8 milhões. O grupo investiu €162,9 milhões durante o ano, menos do que a estimativa de despesas de capital de € 170 milhões e o volume do ano anterior de €172,5 milhões. Os números são preliminares. A Nordex apresentará seus números finais para o ano financeiro de 2020 no próximo dia 23 de março de 2021.

Os investimentos da fabricante foram concentrados no estabelecimento e expansão da produção de pás de rotor no México, Índia e Brasil e na aquisição de equipamentos de produção, instalação e transporte.

De acordo com a Nordex,  o Grupo atingiu novamente a entrada de pedidos superiores a 6 GW, correspondendo  a quase o mesmo volume do ano anterior de 6,2 GW, apesar da pandemia do coronavírus. Os pedidos são distribuídos da seguinte forma: a Europa respondeu por 62% e América do Norte e América Latina por 19%. A distribuição reflete o posicionamento global do Grupo Nordex, enquanto mostra uma mudança na entrada de pedidos em direção aos mercados estabelecidos.

José Luis Blanco, CEO do Grupo Nordex, conta que em 2020, foram tomadas medidas rápidas e pragmáticas para enfrentar o impacto da pandemia. Segundo ele, apesar dessas condições difíceis, foram instaladas turbinas com uma produção de cerca de 5,5 GW em todo o mundo. Para o executivo, a entrada de pedidos se beneficiou do impulso sustentado no mercado de energia eólica, com a tecnologia de turbina Delta4000 de margem mais alta tendo um desempenho particularmente bom.