Enel Rio destaca que número de postes danificados cresceu no período de isolamento

Postes atingidos por acidentes de trânsito na área de concessão da distribuidora subiu 6% no último ano

Nem mesmo durante o período de isolamento social, devido à pandemia de Covid-19, o número de acidentes de transito diminuiu, segundo informações da Enel RJ, que registrou um aumento de 6% no número de postes danificados por veículos no ano passado, em relação ao ano anterior. Em 2019 foram contabilizados 298 abalroamentos de postes de energia elétrica, enquanto em 2020 o número subiu para 314.

De acordo com dados da distribuidora, somente este ano, de janeiro a março, foram contabilizados 72 postes danificados por abalroamentos. A região com maior incidência é Macaé, que já computa 14 incidências desse tipo. Em segundo lugar, empatados, Niterói e Região dos Lagos, com 12 registros cada, e em terceiro Campos, com 10 ocorrências. A companhia destacou que o excesso de velocidade, consumo de bebidas alcoólicas e sonolência são as principais causas dos acidentes.

Quando situações como essas acontecem, a Enel destaca que deve ser comunicada para realizar a troca do poste. Para tentar diminuir o impacto dos abalroamentos, a Enel coloca defensas em alguns postes. Isso reduz a possibilidade do equipamento tombar e ainda reduz o risco para os passageiros do veículo. Em casos de colisão de veículos, o motorista ou responsável pelo veículo deve arcar com os custos para a troca do equipamento.