Norte começa semana com interrupções de 370 MW

Região registrou desligamentos automáticos no oeste paraense e alguns bairros de Manaus, afetando cargas da Equatorial Pará e Amazonas Energia

A última terça-feira, 13 de abril, começou com o corte de 118 MW de cargas do oeste paraense e rejeição de 27 MW de geração da hidrelétrica Curuá-Uma, após o desligamento automático do circuito duplo das linhas de transmissão Altamira-Transamazônica, em 230 kV, e do primeiro transformador da subestação Xingu, informa o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS). A recomposição do sistema levou mais de uma hora, sendo concluída às 06:12 da manhã

O boletim diário do Operador do dia anterior, 12 de abril, também revela uma ocorrência na rede de transmissão, com a interrupção de 225 MW da Amazonas Energia em Manaus, após o desarme da subestação Mutirão durante a madrugada, com o restabelecimento total acontecendo em pouco menos de uma hora às 2:40 horas.