Casa dos Ventos inicia energização de subestação coletora do complexo Rio do Vento

Primeira fase tem inauguração prevista ainda para o segundo semestre deste ano e terá 504 MW de capacidade instalada

A Casa dos Ventos iniciou a energização da subestação coletora do complexo eólico Rio do Vento, em construção no Rio Grande do Norte. A planta terá capacidade instalada total de 1.038 MW, mais do que qualquer outro parque em operação no mundo atualmente.

Com 120 aerogeradores e 504 MW de capacidade instalada, a primeira fase de implantação do complexo tem inauguração prevista ainda para o segundo semestre deste ano. Além da subestação, o avanço das obras já inclui também toda a estrutura de engenharia civil e a montagem das primeiras máquinas. Hoje a companhia conta com um portfólio de projetos eólicos e solares de mais de 17 GW de potência instalada.