Aneel permite mudança no cronograma da UTE Novo Tempo Barcarena

Térmica no Pará deve ficar pronta até 23 de julho de 2025

A Agência Nacional de Energia Elétrica autorizou nesta segunda-feira, 31 de maio, a alteração do cronograma de implantação da UTE Novo Tempo Barcarena (PA- 604 MW). A usina foi viabilizada no leilão A-6 de 2019. Com o novo prazo, a operação comercial da térmica deve começar até 23 de julho de 2025, quase sete meses depois do previsto inicial, de 1º de janeiro do mesmo ano.

A Centrais Elétricas Barcarena alegou que apesar da usina ter sido viabilizada no certame de outubro de 2019, a Portaria MME de autorização da usina somente foi assinada em 27 de outubro de 2020 e publicada em 3 de novembro de 2020, o que justificou o pedido. A previsão do edital era que a outorga fosse concedida até 14 de abril de 2020.

Por conta disso, a Aneel decidiu dar um excludente de 203 dias além do marco inicial. O novo cronograma coloca o prazo final para obtenção da Licença Ambiental de Instalação em 19 de fevereiro de 2022, ante 31 de julho de 2021. O Início das obras civis, que estava previsto para até 30 de abril de 2022, passou para até 19 de novembro de 2022. Já a conclusão da montagem eletromecânica, que deveria ser concluída ida em 1º de junho de 2024 , agora ficou para 21 de dezembro de 2025