Omega contrata IA e cloud da IBM para prever geração em tempo real

Tecnologias de machine learning e análises de dados geoespaciais e meteorológicos ajudam a conferir melhorias de 30% a 40% na precisão das previsões operacionais

A Omega Energia fechou um acordo com a IBM para utilizar uma plataforma no intuito de melhorar a previsão de geração de energias renováveis com o uso de inteligência artificial e de análises de dados geoespaciais e meteorológicas, hospedados na nuvem da empresa de Tecnologia da Informação.

Até o momento foi observado melhorias entre 30% a 40% na precisão das previsões mundiais em relação aos modelos comerciais. A plataforma utiliza machine learning em vários modelos de previsão e observações, fornecendo dados precisos como a velocidade e direção do vento com até dez dias de antecedência, impactando positivamente nas decisões estratégicas de operação.

Para fornecer as previsões de energia eólica e solar, utiliza-se a plataforma Renewables Forecasting da IBM, que usa o IBM PAIRS para análise e dados geoespaciais de grande escalas, selecionando e hospedando mais de seis petabytes de fontes de dados relevantes, incluindo a altura do hub, velocidade do vento e previsões de irradiação solar fornecidas por The Weather Company.