Leilão A-4 termina com preço médio de R$ 151,15/MWh

Petrobras é única vendedora do certame com UTE Cubatão. Deságio ficou em R$ 52,47% e total transacionado é de R$ 1,9 bilhão

O leilão A-4, realizado na manhã desta sexta-feira, 25 de junho, terminou com preço médio de R$ 151,15/ MWh e total transacionado de R$ 1.953.416.892,24 e 12.923.697,6 MWh. A Petrobras foi a única vendedora do certame, viabilizando contrato para o empreendimento Petrobras Cubatão (SP – 219 MW). A usina é movida a GNL e vai injetar 191 MW, executando o preço de R$ 151,15/ MWh. O deságio ficou em 52,47%. O certame durou pouco mais de uma hora.

Entre os compradores, apenas Light (RJ), Equatorial Pará e Equatorial Maranhão foram ao leilão. A Light comprou 9.852.381,783 MWh. Já a Equatorial Maranhão adquiriu 1.669.650,306 MWh, enquanto a Equatorial Pará comprou 1.401.665,511 MWh.