Edmond lança oferta de aluguel de equipamentos de energia solar

Empresa quer prover GD para consumidores da baixa tensão que não conseguem financiar ou comprar um sistema

A greenfintech Edmond, fornecedora de soluções financeiras digitais para o mercado de energia fotovoltaica, anunciou oferta de locação operacional de equipamentos para usinas solares de geração de energia de médio porte, de 20 kW a 75 kW. A startup quer promover o acesso à tecnologia e serviços para implantação em condomínios, estabelecimentos comerciais, independente do segmento, e instituições religiosas e de ensino.

Segundo Jackson Chirollo, CEO da Edmond, apesar do Brasil ser mundialmente reconhecido pelo grande potencial de geração de energia renovável, ainda existem muitos obstáculos em relação à obtenção de recursos, como ativos e serviços em condições competitivas, que permitem à população gerar a própria energia elétrica. De acordo com ele, para estar na vanguarda da geração de energia limpa em residências e no comércio em geral, é preciso proporcionar meios que facilitem a aquisição de equipamentos e também de mão de obra especializada para implantação dos projetos.

Ainda de acordo com o executivo, a Geração Distribuída ajuda a preservar o meio ambiente, ao diminuir e até mesmo eliminar a dependência de meios de produção de energia nocivos ao nosso ecossistema, movidos a base de combustíveis fósseis e desvio de rios e lagos. Chirollo explica ainda que a GD contribui para a geração de empregos, já que o mercado possui mais de 20 mil CNPJ atuantes formados principalmente por pequenas empresas.

A oferta de locação oferecida pela Edmond em parceria com a Connection Solar tem como principal público consumidores de baixa tensão, pequenos e médios comércios e prestadores de serviços, possibilitando que pessoas jurídicas como condomínios, clubes, associações, cooperativas, motéis, instituições religiosas e de ensino, que não conseguem acesso e aprovações para obter financiamentos tradicionais ou ainda negociar taxas e prazos para instalação de usinas solares em solo ou telhados, com pagamentos mensais fixos, de acordo com o tamanho da planta.

O modelo de locação da greenfintech traz ainda aos clientes finais benefícios como: investimento inicial zero; descontos na conta de energia, em conformidade com o prazo de locação, manutenção e limpeza da Usina Solar; blindagem contra bandeiras tarifárias; dedução de Imposto de Renda e de crédito de PIS e COFINS, dependendo do regime de tributação, além de não gerar endividamento bancário e não reduzir linhas de crédito.

A greenfitech, por meio de sua plataforma Edmond Pay, irá gerenciar todo o processo de cobrança e recorrência das mensalidades, possibilitando várias formas de pagamentos digitais e conciliações financeiras, enquanto a plataforma AppSolar, outro produto do seu portfólio, que viabiliza a comercialização de equipamentos fotovoltaicos, será responsável pelo fornecimento dos equipamentos das micro usinas fotovoltaicas, disponibilizando a solução para redes de integradores cadastrados e homologados. Os contratos de locação vão de seis a dez anos, sendo que ao final do contrato, a micro Usina, que tem vida útil de 25 anos, pode passar a ser propriedade do locatário.