EDP Renováveis atinge 12,6 GW de capacidade instalada

Empresa incrementou mais 2,1 GW na sua carteira em relação ao mesmo período do ano anterior

A EDP Renováveis atingiu a marca de 12,6 GW de capacidade instalada, o que representa um incremento de 2,1 GW em relação ao mesmo período do ano anterior. Deste total, 11,7 GW estão totalmente consolidados e 841 MW são contabilizados pelo método da equivalência (participações em projetos em Espanha, Portugal e EUA, bem como em projetos offshore).

A companhia incorporou um total de 691 MW de capacidade eólica e solar desde dezembro de 2020, dos quais 648 MW foram totalmente consolidados, 83 MW estão na Europa, 537 MW na América do Norte e 28 MW na Ásia-Pacífico. O capital consolidado também aumentou em 43 MW graças ao projeto offshore da Seamade na Bélgica, que entrou em funcionamento durante o primeiro trimestre do ano.

Por outro lado, de acordo com a sua estratégia de rotação de ativos para gerar valor, a EDPR fechou com sucesso a venda de uma participação de 68% numa carteira eólica operacional de 405 MW nos EUA (275 MW líquidos). No total, a variação líquida na carteira consolidada da EDPR foi de 415 MW a mais.

Além disso, até 30 de junho de 2021, a EDPR tinha 2,9 GW de nova capacidade em construção: 2.195 MW de energia eólica terrestre, 421 MW de energia solar e 269 MW correspondentes a participações em projetos eólicos offshore.

“Apesar de encerrarmos o primeiro semestre do ano com resultados afetados por vários fatores, tais como o clima nos EUA, confirmamos o nosso compromisso de crescimento em novos mercados atrativos com potencial. A dinâmica da internacionalização da empresa, juntamente com a força da nossa estratégia de rotação de ativos, bem como o bom desempenho dos nossos negócios na Europa e no Brasil, permitem-nos ser otimistas quanto ao restante do ano”, disse em nota o CEO da EDPR, Miguel Stilwell d’Andrade.