Ocorrências com pipas já prejudicaram 460 mil clientes da Cemig em 2021

Somente nos sete primeiros meses deste ano a distribuidora registou 1.424 casos

A Cemig vem registrando cada vez mais ocorrências originadas pelas quedas de pipas em sua rede elétrica. Somente nos sete primeiros meses deste ano a distribuidora teve 1.424 ocorrências com a rede elétrica causadas por pipas, que prejudicaram cerca de 460 mil clientes. As ocorrências com pipas nas redes elétricas são ainda mais graves neste momento de pandemia, quando muitas pessoas estão trabalhando em casa e também podem prejudicar o fornecimento de energia para hospitais e centros de saúde.

Apesar da tradicional brincadeira parecer inofensiva, essa prática pode causar prejuízos e até acidentes graves caso seja feita próximo da rede elétrica. Caso a pipa fique presa em um componente da rede elétrica, a pessoa pode tomar um choque de até 13.800 volts. Com isso, a distribuidora ressaltou que é fundamental que os pais orientem os seus filhos para evitar acidentes que podem até matar.

A concessionária destacou que as redes de distribuição, de transmissão e as subestações da Cemig são construídas dentro dos padrões das normas técnicas brasileiras com características e distanciamento que são seguros. Dessa forma, a aproximação indevida e o uso de cerol e linha chilena têm sido o motivo dos principais acidentes com a rede elétrica da companhia.