Agência aprova autorizações para térmicas no AC e AM

Outorgas serão emitidas para usinas da Rovema e Xavantes, vencedoras do leilão para suprimento aos sistemas isolados de 2021

As empresas Energia do Acre SPE Ltda. e Usina Xavantes S.A. foram autorizadas pela Agência Nacional de Energia Elétrica a implantar e operar as termelétricas que compõem os lotes I (Acre) e II (Amazonas) do leilão para suprimento aos Sistemas Isolados de 2021. O certame realizado em abril já teve o resultado homologado pela Aneel.

A Energia do Acre é uma SPE da Rovema Energia, que levou o maior lote do leilão com solução de suprimento para as comunidades de Cruzeiro do Sul, Feijó e Tarauacá, composta por três usinas a diesel nessas localidades de 58,9 MW, 7,5 MW e 10,1 MW, respectivamente. A Xavantes é responsável pelas centrais geradoras a gás natural Anamã (2,4 MW), Anori (0,8 MW), Caapiranga (0,6MW), Codajás (4,8 MW) e Novo Remanso (1,2MW).  Os dois empreendedores já aportaram a Garantia de Fiel Cumprimento.