Nova sede da Enel RJ vai consumir 40% menos de energia

Empresa também instalará três vagas para veículos elétricos para novo espaço

A nova sede da Enel RJ, na região da zona portuária do Rio de Janeiro, vai consumir cerca 40% menos de energia que a sede antiga, em Niterói. Em cerimônia de inauguração do novo espaço, na última quinta-feira, 8 de outubro, a diretora de Serviços e Segurança Patrimonial, Flavia Baraúna revelou ainda que a empresa instalará no Aqwa Corporate – novo endereço da companhia – três vagas com recarga para veículos elétricos, por meio da subsidiária Enel X. “O projeto trouxe eficiência e otimização de custos”, revela.

O espaço também terá a certificação WELL, com foco no bem estar das pessoas. De acordo com a diretora, essa certificação é a maior com este foco. “Ela coloca a pessoa dentro do escritório no centro de todas das propostas que fazem”, explica a diretora. Os espaços devem observar aspectos como qualidade do ar, água, alimentação, iluminação natural e conforto.

De acordo com o Country Manager da Enel no Brasil, Nicola Cotugno, a nova sede é a materialização de um conceito de bem estar e saúde em uma forma diferente de trabalhar. “Não podemos esquecer que encontrar e se relacionar diretamente é um ponto de força, é um valor”, aponta. Outro aspecto ressaltado pelo executivo foi a presença da empresa na zona portuária, região da capital que tem se revitalizado e crescido nos últimos anos. O local está previsto para aproximadamente 1.400 colaboradores, mas a previsão é de uma ocupação diária ao redor de 1.000 pessoas. Um modelo de trabalho híbrido está sendo criado.