CGT Eletrosul pagará R$ 217,5 mi por transmissora

Contrato para a aquisição de 49% da participação detida na Transmissora Sul Litorânea de Energia foi assinado junto à CEEE-T

A controlada da Eletrobras, CGT Eletrosul, assinou o contrato definitivo de compra e venda de ações com a CEEE-T, pela aquisição de 49% da participação detida na Transmissora Sul Litorânea de Energia. A subsidiária para a região Sul da estatal pagará à CEEE-T o valor de R$ 217.551.500,00 em até 30 dias, quando será realizada a transferência das ações.

Com a implementação da operação, a subsidiária passa a deter 100% do capital social da TSLE e irá promover futuramente a incorporação dessa SPE. Essa ação posterior está no escopo da iniciativa de racionalização das participações societárias da Eletrobras nos termos do Plano Diretor de Negócios e Gestão 2021- 2025.