Smart Luz obtém R$ 925 mi para PPP de iluminação pública do RJ

Emissão de debêntures da concessionária de iluminação vai financiar projeto de Cidades Inteligentes para a capital fluminense

A Smart RJ Concessionária de Iluminação Pública realizou a emissão de R$ 925 milhões em debêntures de infraestrutura não conversíveis para o financiamento da PPP de iluminação pública do município do Rio de Janeiro. Trata-se de uma operação inédita no Brasil para o setor de Parcerias Público-Privadas e que tem a garantia do United States International Development Finance Corporation (DFC), braço do governo norte-americano para o apoio ao desenvolvimento de infraestruturas no exterior.

Desde abril de 2020 a empresa responde pelo serviço de iluminação pública da capital fluminense e a emissão contemplará os aportes para a implantação de possivelmente o maior projeto integrado de Cidade Inteligente da América Latina, que inclui a modernização com tecnologia LED e operação das mais de 450.000 luminárias.

Além disso, haverá a implantação de uma rede de IoT (Internet das Coisas) que conectará remotamente as luminárias LED e mais de 25.000 sensores adicionais, incluindo câmeras, sensores semafóricos e pontos de acesso WiFi gratuito com todos os ativos conectados e gerenciados em um novo Centro de Controle Operacional, ampliando a capacidade existente do Centro de Operações (COR) da Prefeitura.

Após a finalização do investimento, a Smart Luz projeta uma redução mínima de 65% no consumo de energia elétrica, além de criar a plataforma de base para o desenvolvimento de uma Cidade Inteligente com o cumprimento dos objetivos de sustentabilidade e resiliência.

Títulos sustentáveis

As debêntures locais foram adquiridas por uma sociedade offshore e revendidas como Notas Sênior com Garantia Real e classificadas como Sustentáveis, por meio da regra 144A/Reg S da SEC (Security and Exchange Commision),  que são emissões de dívidas para venda exclusiva a investidores institucionais nos Estados Unidos e investidores estrangeiros. A Goldman Sachs & Co. LLC atuou como coordenador global, bookrunner e agente de estruturação das notas sustentáveis. A Goldman Sachs do Brasil Banco Múltiplo S.A é o Coordenador Líder.

As notas estão garantidas pelo United States International Development Finance Corporation (DFC), sendo a primeira emissão para um projeto de PPP de infraestrutura com rating escala global AA+ (Fitch) e Aa1 (Moody´s). A transação supõe um novo marco no desenvolvimento de financiamento internacional de parcerias público-privadas brasileiras, representando uma nova alternativa ao financiamento local tradicional de projetos de infraestrutura.