GWEC cria nova categoria de associados líderes para 2022

Conselho altera estatuto para fortalecer capacidade de defesa e articulação visando avanço operacional em 2022

O Global Wind Energy Council (GWEC) anunciou uma nova categoria líder para as dez empresas que desejam aumentar seu envolvimento em questões globais e as quais formarão a base do Conselho Executivo da entidade, que conduzirá o programa de trabalho e a estratégia para seu avanço em 2022.

Até o momento Equinor, GE Renewable Energy, Iberdrola, Mainstream, Ørsted, Shell, Siemens Gamesa Renewable Energy (SGRE) e Vestas integram esse quadro, faltando duas restantes. A ideia é aumentar a capacidade de defesa e de divulgação da entidade, mirando uma nova estrutura de membros da indústria eólica que fornecerá a base para um crescimento operacional mais rápido.

O protocolo que permite ao Secretariado a modificação de seus estatutos aconteceu na Assembleia Geral Extraordinária em Copenhague, no dia 24 de novembro. Para o diretor de operações da GWEC, Stewart Mullin, campanhas de alto perfil como a COP26, esforços de advocacia em mercados emergentes ao redor do globo e gerenciamento de problemas em ambientes de contratação estabelecidos testaram a estrutura da Associação ao longo de 2021.

“Visto que nossos membros desejam que o GWEC seja ainda mais ativo no futuro criamos uma nova estrutura que forneça uma base financeira sólida para as operações futuras nas próximas décadas ”, pontua o executivo.

O compromisso da indústria permitiu que a GWEC fizesse uma série de contratações importantes, incluindo um novo Chefe Global de Eólica Offshore. No primeiro trimestre de 2022, a Associação pretende adicionar capacidade no Vietnã, Brasil, Coréia, Japão e Quênia, bem como especialistas dedicados em Redes, Power-X, entre outros, onde a indústria tenha uma necessidade clara de envolvimento em nível internacional.

Com a atualização o GWEC passa agora para quatro níveis de associação corporativa: Líderes globais, influenciadores globais, participantes globais e apoiadores globais. A secretaria também administra a Plataforma de Associação, que é composta pelas principais associações eólicas regionais e nacionais do mundo.