Renováveis recebem autorização para operar 58,22 MW

Unidades geradoras estão localizadas em Santa Catarina, Paraíba e Bahia

A Agência Nacional de Energia Elétrica autorizou para início da operação comercial, a partir de 30 de dezembro, unidades geradoras da PCH Âmbar, com 5,1 MW de capacidade instalada, no estado de Santa Catarina. Além das unidades geradoras da EOL Lagoa 4, com 6,92 MW, localizada na Paraíba e por fim, as UGs da EOL Ventos de Santa Esperança 22, com 46,2 MW de capacidade instalada, situada na Bahia. Juntos os empreendimentos somam 58,22 MW. Os Despachos com as autorizações foram publicado no Diário Oficial da União desta quinta-feira, 30 de dezembro.