Cesp estipula relação de troca de ações com VTRM

Geradora foi avaliada em R$ 9,1 bilhões. Expectativa é que operação seja concluída até o começo de fevereiro

A Cesp anunciou em comunicado ao mercado nesta segunda-feira, 10 de janeiro, que o Comitê Especial Independente da empresa, constituído para a negociação da incorporação de ações da companhia pela VTRM, concluiu as negociações da relação de troca das ações de emissão da Cesp por ações de emissão da VTRM. Na data da efetivação da Incorporação de ações da Cesp, os acionistas receberão, para cada uma ação de emissão da Cesp de sua titularidade, independentemente da espécie ou da classe: 6,567904669174 novas ações ordinárias, nominativas, escriturais e sem valor nominal da VTRM; e
0,095425888495 novas ações preferenciais, nominativas, escriturais e sem valor nominal da VTRM, compulsoriamente resgatáveis. A expectativa dos controladores é concluir a Operação VTRM até o início de fevereiro.

De acordo com o comunicado, a relação de substituição foi livremente negociada entre a administração da VTRM e o Comitê e incluiu como premissas o valor econômico atribuído aos ativos da Votorantim Geração a serem contribuídos na VTRM no âmbito da operação, que ficou em aproximadamente R$ 2,8 bilhões. Os recursos em dinheiro a serem contribuídos por CPPIB na VTRM no âmbito da operação VTRM ficam em R$ 1,5 bilhão; o equity value atribuído à VTRM foi de aproximadamente R$ 4,5 bilhões e o valor econômico atribuído à companhia foi de aproximadamente R$ 9,1 bilhões, equivalente a aproximadamente R$ 27,932 por ação.

Ainda de acordo com a Cesp, caso a estrutura da Incorporação de Ações da Cesp não envolvesse a entrega de ações preferenciais resgatáveis aos acionistas, excluindo os controladores, a participação final de referidos acionistas seria de 30,63% do capital social total e votante da VTRM e a dos Acionistas Controladores de 69,37%. Como a reorganização contempla a entrega de ações preferenciais compulsoriamente resgatáveis da VTRM, com base na Relação de Substituição e considerando o referido no valor total de, aproximadamente, R$ 78,5 milhões, a VTRM passará a ter a estrutura societária final de 37,74% para a VSA; 31,94% para a CPPIB e 30,23% para os outros acionistas.

As próximas etapas da reorganização são a realização de contribuições pelos controladores de ativos e de caixa para a VTRM, sociedade controladora direta da “Operação e a Incorporação de ações da Cesp, de maneira que a geradora passará a ser subsidiária integral da VTRM.