Aneel abre tomada de subsídios para nova versão do Newave

Atualização do modelo computacional para planejamento e programação do PMO recebe contribuições até 9 de fevereiro

A Aneel abriu a Tomada de Subsídios 001/2022, que trata da autorização de uso da nova versão do modelo computacional Newave (versão 27.4.16, que passaria a ser denominada 28) no âmbito do planejamento e da programação da operação e da formação do Preço de Liquidação das Diferenças (PLD), a partir do Programa Mensal da Operação (PMO) de março de 2022.

Entre outros aprimoramentos, a Agência destaca a incorporação da metodologia Par(p)-A, a correção da escrita das afluências passadas anteriores ao início do estudo, em casos sem tendência hidrológica, além dos mecanismos de otimização de tempo computacional do próprio modelo. Interessados devem enviar suas contribuições para o e-mail ts001_2022@aneel.gov.br até 9 de fevereiro de 2022.

Embora listada como um aprimoramento presente na versão 27.4.16 do Newave, a funcionalidade do PAR(p)-A não será utilizada a partir do PMO de março de 2022. Conforme diretriz apontada pela Comissão Permanente para Análise de Metodologias e Programas Computacionais do Setor Elétrico (CPAMP), o uso dessa funcionalidade está previsto para ocorrer apenas no início do ano operativo de 2023, informa o regulador. Os documentos que tratam da proposta podem ser acessados nesse endereço.