Tarifa no Espirito Santo pode aumentar 17,59% em média

Índice está previsto na proposta de revisão tarifária da distribuidora da EDP no estado, que passará por consulta pública

A proposta de revisão tarifária da EDP Espirito Santo prevê aumento médio de 17,59%, com efeito médio a ser percebido pelos consumidores de 19,58% na alta tensão e de 16,84% na baixa tensão. O processo tarifário da distribuidora ficará em consulta pública de 4 de maio a 20 de junho de 2022, com reunião virtual em 26 de maio.

Encargos setoriais, com 9,09%, e custos financeiros de 6,25%, que entrarão como componente adicional nas tarifas da concessionária pelo período de 12 meses, foram os itens com maior peso no resultado preliminar calculado pela Agência Nacional de Energia Elétrica. A compra de energia teve participação no índice de 2,40%, os de transmissão cresceram 1,16% e os custos de distribuição caíram 2,79%. Os índices finais da revisão vão vigorar a partir de 7 de agosto.