Neoenergia moderniza redes elétricas do Nordeste

O self healing é uma tecnologia que automatiza operações em casos de ocorrências

Com investimentos de R$ 1,3 bilhão, a Neoenergia está buscando modernizar as redes elétricas nos estados da Bahia, Pernambuco e Rio Grande do Norte. A companhia vem ampliando a instalação de equipamentos que utilizam sistemas de self healing, tecnologia que restabelece o fornecimento de forma automatizada com rapidez e segurança. A recomposição da rede também está sendo realizada por meio de obras para tornar a prestação de serviço mais segura e eficiente.

A companhia informou que a automação da rede faz parte de sua estratégia para melhorar a qualidade do fornecimento de energia. O self healing é uma tecnologia que automatiza operações em casos de ocorrências como quedas de árvores, descargas atmosféricas ou ações de animais. A área atingida pelo problema é isolada e o maior número de consumidores pode ter a energia restabelecida em até 60 segundos.

Essa vantagem é demonstrada nos indicadores estabelecidos pela Aneel, DEC, que mede a duração das interrupções, e FEC, que avalia a frequência em que elas acontecem. Os equipamentos são coordenados pelo Centro de Operações Integradas (COI), que recebe a localização exata da falha, agilizando também o trabalho de eletricistas se houver a necessidade de reparos em campo. Com o uso do sistema, pode ser reduzido o tempo de restabelecimento do fornecimento de energia. Além disso, a tecnologia pode levar a uma diminuição no número de clientes atingidos por intercorrências.

No Rio Grande do Norte foram modernizadas redes elétricas de baixa e média tensão em 17 municípios das regiões Oeste, Alto Oeste, Costa Branca e Vale do Assu. A Neoenergia Cosern também instalou 39 equipamentos novos telecomandados na rede elétrica de 18 cidades das quatro regiões. Na Bahia, a atualização das redes de distribuição beneficiou três cidades: Itapetinga, Lauro de Freitas e a capital, Salvador. A Neoenergia Coelba instalou 58 religadores e 26 esquemas de self healing, amparando mais de 82 mil clientes.

Já em Pernambuco, cerca de quatro milhões de consumidores foram beneficiados com a implantação de 96 km de rede de média tensão em 134 municípios, sendo 28 km de rede de polietileno reticulado (XLPE) ou isolada e 68 km de rede convencional. Dois reguladores de tensão também foram instalados pela Neoenergia Pernambuco em Caruaru e Petrolina, polos econômicos do interior do estado, além de 52 religadores de linha em 33 cidades do estado.