Neoenergia fica com o lote 11 no leilão de transmissão

Deságio ficou em 45,74% pelos ativos no estado do Mato Grosso do Sul

O Lote 11 do leilão de transmissão foi arrematado pela Neoenergia ao apresentar lance de  R$ 38,2 milhões, deságio de 45,74% sobre a RAP máxima de R$ 70.406.099,76. Esse é o quarto lote dos seis disputados até o momento que foram para a disputa ao vivo, nesse lote, entre a Neoenergia, CGT Eletrosul e EDP que apresentaram 30 lances  adicionais, a maior até agora protagonizado pela EDP e Neoenergia, pois a subsidiária da Eletrobras não apresentou atualização do seu lance inicial.

O lote é formado por:

– LT 230 kV Campo Grande 2 – Paraíso 2 – C2, com 224 km;
– LT 230kV Paraíso 2 – Chapadão – C2, com 65 km;
– Trechos de LT em 230 kV entre o seccionamento da LT 230 kV Campo Grande 2 – Chapadão e a SE Paraíso 2, com 2×1 km;
– SE 230/138kV Paraíso 2 – 2×150 MVA

Nesses ativos o aporte é de quase R$ 500 milhões e o prazo é de 48 meses para a conclusão. Agora o leilão entra em recesso e volta às 13:55 horas para a disputa dos sete lotes restantes.